14 de out de 2010

Sonhando

Se passo o dia, paro e escuto o vento e ainda não posso entender como o improvável insiste em acontecer se ando sempre no mesmo caminho e ainda me encontro com alguém e vejo que não estou sozinha, eu sei, se passa o dia, o tempo e conto as horas, e eu sem perceber que estou parado vendo seu retrato, e não vou mais te ver e vou tentando aceitar. As vezes fujo, corro de mim mesmo, canso e me esqueço de lutar sabendo que não posso ser tão tolo assim quando me vejo já estou cantando solto minha voz e desabafo enfim.Se o telefone toca eu já sei mesmo que não é você, se tudo que um dia me falou, eu vejo agora acontecer, se a saudade aperta e eu não tenho nada a fazer se não apenas chorar.Não vou mais querer explicar, eu já sei. Alguém me soprou e falou tudo sobre você, que ainda eu vou te ver.Eu quero deitar e sonhar outra vez, tocar, te ouvir, te sentir, E poder te dizer, como eu amo você.Tocar o meu violão e te ver me pedindo pra viver.

4 comentários:

  1. oi gatinha,..... vi seu blog numa comu de divulgação de bLogs no orkut

    topas uma simples parceria ???
    vc segue meu blog e eu sigo o seu...
    http://www.pojucaonline.com.br/
    pode ser ??

    se for me seguir deixa um recado avisando com seu
    link q eu retribuo

    abraços

    ResponderExcluir
  2. Gostei desse texto, lindo! Me sinto assim ás vezes. Estou te seguindo, espero que me siga :D

    Bjs, Sté

    http://tvfabulous.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Quer que os outros compreendam o que jamais entenderei.[ C.L ]