29 de out de 2011

Estou apenas cansada de metades. Desses loucos amores em que me meti. Quero mais sorrisos, mais beijos. Quero colo, o teu colo. Quero amor, apenas amor, quente, por favor. Ultimamente estou assim, tão calada, tão carente. Tão nada. E você, tão presente. Ausente. Não sei. Não sente, entende que não é outro alguém. Quero a sua presença, sua ausência, seu amor. Quero você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer que os outros compreendam o que jamais entenderei.[ C.L ]